Grupo D da Eurocopa 2021

Depois do “Grupo da Morte F”, o Grupo D na EURO 2021 (ainda oficialmente chamado “EURO 2020” pela UEFA) é considerado o grupo mais difícil. O vice-campeão mundial Croácia e a quarta colocada Inglaterra, são duas equipes com esperanças de vencer o torneio. No entanto, isto será apenas um ano mais tarde do que o previsto, uma vez que as finais foram adiadas devido ao Corona vírus.

A República Tcheca é uma estranha no grupo. O mesmo se aplica à Escócia, que ganhou os play-offs da Liga das Nações na Divisão C. Abaixo, analisamos mais atentamente todas as equipes do Grupo D antes de fazermos as nossas previsões finais.

Tabela do Grupo D da Eurocopa 2021

Calendário da Eurocopa 2021 Grupo D

Data Hora* Partida Resultado Sede
13/06/21 14:00/10:00 Inglaterra x Croácia 1:0 🏴󠁧󠁢󠁥󠁮󠁧󠁿 Londres
14/06/21 14:00/10:00 Escócia x Rep. Tcheca 0:2 🏴󠁧󠁢󠁳󠁣󠁴󠁿 Glasgow
18/06/21 17:00/13:00 Croácia x Rep. Tcheca 1:1 🏴󠁧󠁢󠁳󠁣󠁴󠁿 Glasgow
18/06/21 20:00/16:00 Inglaterra x Escócia 0:0 🏴󠁧󠁢󠁥󠁮󠁧󠁿 Londres
22/06/21 20:00/16:00 Croácia x Escócia 3:1 🏴󠁧󠁢󠁳󠁣󠁴󠁿 Glasgow
22/06/21 20:00/16:00 Rep. Tcheca x Inglaterra 0:1 🏴󠁧󠁢󠁥󠁮󠁧󠁿 Londres

*Hora de Portugal e de Brasil.

O Grupo D do EURO 2020 em análise

Inglaterra: Os Três Leões têm um dever à realizar

No Campeonato do Mundo de 2018, a Inglaterra já era considerada uma das favoritas. Na altura, contudo, foi dito que a equipe era, provavelmente, demasiado jovem para conseguir torna-la grande, eles precisavam ganhar ainda mais experiência. Foi o que se verificou, mas os Três Leões ainda terminaram em quarto lugar.

Entretanto, a seleção de Gareth Southgate está dois anos a frente e marchou de forma impressionante nas eliminatórias do Campeonato Europeu de 2021, com o ataque de Harry Kane, Raheem Sterling e Jadon Sancho, particularmente impressionante. Contudo, tanto com Harry Maguire como com John Stones, os britânicos também têm uma excelente defesa. Jogadores como James Maddison, Declan Rice e Dele Allii também não têm nada a esconder de ninguém no mundo. O meio-campo é, portanto, também muito forte.

Mesmo no gol, a Inglaterra tem um homem de classe mundial entre as traves com Jordan Pickford. A Inglaterra também tem vários excelentes jogadores em cada posição. Em princípio, a Inglaterra só precisa vencer-se a si própria.

Croácia: o vice-campeão sob pressão

A Croácia está numa posição semelhante à que estava antes do Copa do Mundo de 2018, com alguns excelentes jogadores em todos as posições. No meio-campo, por exemplo, Marcelo Brozovic da Inter de Milão mantém as coisas arrumadas. É assistido por Ivan Rakitic e Luka Modric, bem como Mateo Kovacic, na camisa da Croácia.

Ante Rebic, Andrej Kramaric e Ivan Perisic compõe o ataque. Na defesa, Dejan Lovren e Filip Benkovic estarão em ação. Para goleiro, Dominik Livakovic. A equipe de Zlatko Delic está bem, ou mesmo muito bem, com jogadores de classe mundial em todas as posições.

A Croácia, que dominou a classificação com relativa facilidade, revelou algumas fraquezas na Liga das Nações de 2018/19. Mas é, entretanto, suficientemente boa para passar a fase de grupos. Pode não ser realmente suficiente para chegar muito longe. Mas como eu disse, isto é exatamente o que foi dito sobre a equipe antes do Copa do Mundo de 2018 e ela provou que todos os céticos estavam errados. Então porque não deveriam ser novamente bem sucedidos na Eurocopa 2021?

República Tcheca: O talentoso forasteiro do Grupo D da Euro 2020

A República Tcheca chegou mesmo à final da Eurocopa em 1996 com jogadores como Tomas Rosicky e Petr Cech. Quando essa geração partiu, porém, as coisas pioraram. Isso mudou com a classificação para a Eurocopa 2021. De repente, a antiga República Tcheca estava de novo em exibição. A equipe está também equipada com, pelo menos, um excelente jogador em cada posição.

Tomas Vaclik e Jiri Pavlenka estão lutando pelo lugar entre as traves d meta tcheca. Na defesa, o lateral direito Pavel Kaderabek dá o tom. No meio-campo, Jakub Jankto puxa os cordelinhos. E na ofensiva, possui jogadores como Patrik Schick e Matej Vydra. Mas os nomes realmente grandes não estão lá.

Na verdade, isto poderia até ser uma vantagem para os checos. A sua equipa é difícil de calcular e pode assim tornar-se um adversário difícil no Grupo D da Eurocopa 2021. No entanto, muito provavelmente não será suficiente para a República Tcheca atingir a proxima fase.

Equipe da Escócia surpreende de volta ao grande torneio desde 1998

A Escócia classificou-se para a EURO de uma forma que poucos teriam esperado. A última vez que a equipe nacional escocesa se classificou para um grande torneio foi há mais de 20 anos, no Campeonato do Mundo de 1998 em França. Desde então, os escoceses só têm sido espectadores em todos os Campeonatos Mundiais e Europeus subsequentes. Mas na Euro 2021 a Escócia poderá finalmente participar novamente num grande torneio.

Isto foi possível graças aos play-offs do Campeonato Europeu, para o qual a equipe nacional escocesa se qualificou através da Liga das Nações de 2018/19. Nas semifinais do play-off, provaram a sua coragem na disputa de pênaltis após um empate de 0-0 contra Israel. Na final, os escoceses conseguiram então a grande conquista: também numa disputa de pênaltis, superaram em 4:5 contra os claramente favoritos da Sérvia (1:1) após o tempo extra) e puderam aplaudir com uma vaga na Eurocopa.

Para a Escócia, a EURO 2020 terá um destaque muito especial. Como o Hampden Park, em Glasgow, é também um dos locais da Eurocopa 2021, a equipe nacional escocesa poderá mesmo jogar os seus jogos contra a República Tcheca e a Croácia em frente da sua torcida, em casa. Da Eurocopa Grupo D com a Inglaterra, Croácia e República Checa, cada uma destas equipes da Eurocopa parecem mais forte do que a Escócia, mas nos jogos em casa, a equipe de Steve Clarke já é uma surpresa em que se pode confiar.

Previsão para o Grupo D da Eurocopa 2021

É claro quem tem de ganhar o grupo em termos de força de equipe: a Inglaterra não pode fazer mais nada. Os Três Leões têm de ganhar todos os seus jogos por causa da incrível qualidade dos seus jogadores. A questão é se o querem fazer.

A tabela para a fase eliminatória é traiçoeira. O vencedor do Grupo D do Euro 2021 enfrentará eventualmente o segundo classificado do Grupo F da Euro 2021 nas oitavas de final da Eurocopa. Muito provavelmente, será contra a França, Alemanha ou Portugal. Assim, a Inglaterra teria de competir com um adversário de mesmo nível. Se acabassem em segundo lugar, poderiam enfrentar a Polônia, o que seria muito mais fácil.

Tanto os croatas como os britânicos devem, portanto, não ficar completamente infelizes caso não se tornem os vencedores de seu respectivo grupo.

A República Tcheca, por outro lado, é de se lamentar. A equipe teria a hipótese de terminar em segundo lugar em quatro dos seis grupos, mas não foram sorteados em nenhum deles. Tal como a Escócia, os europeus de Leste são, provavelmente, apenas acessórios ornamentais no Grupo D do Campeonato Europeu.

>> Voltar à visão geral dos grupos da Eurocopa 2021