Brasil na Copa America 2021: a seleção do êxito

A Seleção Brasileira é uma seleção que não passa despercebida em nenhum campeonato internacional de futebol. O time 5 vezes vencedor da Copa do Mundo e 9 vezes vencedor do primeiro lugar da Copa América 2021, gera expectativa por onde passa para disputar .

A seleção brasileira também tem a seu crédito 11 segundos lugares na Copa América e 7 terceiros lugares na Copa do Mundo. Sempre que sediou esta competição, ele conseguiu subir como campeão. Atualmente, ele lidera a tabela geral da Copa do Mundo e da Copa das Confederações.

Calendário: Quando o Brasil vai jogar na Copa América de 2021?

Data Hora Partida Sede
13 de junho 2021 19:00 🇧🇷 Brasil x Venezuela 🇻🇪 Medelín
17 de junho 2021 22:00 🇵🇪 Perú x Brasil 🇧🇷 Cali
21 de junho 2021 21:00 🇧🇷 Brasil x Catar 🇶🇦 Barranquilla
24 de junho 2021 22:00 🇧🇷 Brasil x Colômbia 🇨🇴 Barranquilla
28 de junho 2021 22:00 🇪🇨 Equador x Brasil 🇧🇷 Bogotá

Todo o calendário está na hora de Brasília (GMT-3).

Pronóstico do Brasil para a Copa América 2021: Tudo a favor

Apesar de não ter obtido nota de destaque na edição anterior da copa, as chances do Brasil conquistar a primeira colocação na Copa América 2021 são bastante altas, principalmente com a participação de Neymar Jr. que não pode estar presente na edição anterior. Junto com ele estarão grandes nomes como Roberto Firmino, Gabriel Jesús e Vinicius Jr., que enfrentarão a competição com muita vontade de liderar em solo argentino e colombiano.

Outra vantagem do Brasil está no seu técnico, Adenor Leonardo Bacchi, mais conhecido como Tite, que já trabalha há algum tempo com a seleção nacional. Tite, em sua experiência como técnico, tem levantado resultados de diversas equipes, como Corinthians e Inter, levando triunfo nos campeonatos dos quais participa.

>> Apostas da Copa América 2021.

Outras equipes do grupo A da Copa América 2021

🇧🇷 O Brasil lidera o sorteio do grupo que corresponde ao sul do continente, e vem acompanhado de:

🇨🇴 A Colômbia, que joga em casa várias vezes, e na história da copa só conseguiu empatar com o Brasil.

🇪🇨 Equador, que não passou para a segunda fase da Copa América 2019.

🇵🇪 Peru, que foi finalista da Copa América 2019 contra o Brasil.

🇻🇪 Venezuela, que nunca conquistou Copa América e tem novo técnico.

🇶🇦 Catar, que repete sua participação como convidado da Copa América.

Conheça as 12 equipes da Copa América 2021 aqui.

Equipe do Brasil em novembro de 2020

A seleção brasileira conta com jogadores de porte internacional, com muita experiência atuando no continente europeu. Até o momento e aguardando novidades, a Seleção Brasileira é formada pelos seguintes jogadores:

  • Goleiros: Ederson (Manchester City), Santos (Athlético Paranaense), Weverton (Palmeiras)
  • Zagueiros: Danilo (Juventus Turin), Gabriel Menino (Palmeiras), Alex Telles (Porto), Renan Lodi (Atlético Madrid), Thiago Silva (Chelsea), Marquinhos (París Saint Germain), Felipe (Atlético Madrid), Rodrigo Caio (Flamengo)
  • Meio-campo: Casemiro (Real Madrid), Fabinho (Liverpool), Bruno Guimarães (Olympique Lyon), Douglas Luiz (Aston Villa), Philippe Coutinho (FC Barcelona), Everton Ribeiro (Flamengo)
  • Atacantes: Matheus Cunha (Hertha Berlín), Rodrygo (Real Madrid), Neymar (Paris Saint Germain), Everton (Benfica), Roberto Firmino (FC Liverpool), Richarlison (Everton)

O Brasil deve vir com um 4-2-3-1 composto por Weverton; Danilo, Thiago Silva, Marquinhos, Renan Lodi; Douglas Luiz, Casemiro; Neymar ou Everton Ribeiro, Coutinho, Everton; Firmino.

Odds de apostas para Brasil na Copa América 2021

O Brasil é o segundo time favorito de todas as casas de apostas e faz todo o sentido: eles foram os vencedores da Copa América 2019 e é também um time de grande renome em campeonatos mundiais.

A seleção verde-amarela é a terceira equipe na tabela histórica da Copa América, superado apoenas por Uruguai e Argentina. O Brasil está à frente do Chile com uma diferença considerável, a seleção tem 9 títulos contra 2 títulos do Chile.

Em breve você terá todas as informações sobre as apostas para a Copa América 2021 e poderá torcer para o seu time de coração, embora se suspeite que será uma copa bastante interessante.

História do Brasil no Futebol

A seleção brasileira conquistou pelo menos um primeiro lugar em cada década desde que a Copa América foi realizada em 1916. Além disso, o país teve resultados históricos na Copa América, como a vitória por 10-1 sobre a Bolívia em 1949, 9-0 contra a Colômbia em 1957, e 9-1 contra o Equador também em 1949.

Entre 1987 e 2015, a seleção canarinho nunca foi eliminada na fase de grupos da Copa América, mas uma campanha ruim para a seleção começou em 2010 com a derrota na Copa do Mundo da África do Sul e terminou em 2019, com o triunfo do Brasil na Copa América, que foi jogada em casa.

O Brasil também se caracterizou por ter um slogan mundialmente conhecido como “joga bonito”, expressão atribuída a Pelé desde 1958. Joga bonito é uma prática de futebol baseada na honra, no respeito, no orgulho e na força de equipe, além de muita ginga nos dribles!

Um dos maiores rivais da seleção brasileira é a Argentina na Copa América 2021, aliás seus confrontos são conhecidos como clássicos do futebol. Uruguai também é um forte rival, desde o Maracanaço, onde a celeste venceu a seleção brasileira, em casa, por 2 a 1. O terceiro rival de longa data do Brasil é a Colômbia na Copa América. Os jogos contra este país são emocionantes, pois levam o espírito competitivo ao máximo.

Jogador chave do Brasil: Neymar Jr.

O mega star que vem com toda a coragem para a Copa América 2021 é Neymar, um dos melhores jogadores do mundo, de sua geração. O atacante não participou da edição 2019 da Copa América devido a lesão, mas, mesmo assim, a seleção conseguiu levantar a taça em seu próprio país.

Iniciou sua trajetória em times de renome em 2009, quando ingressou no Santos e jogou até 2013, quando foi convocado pelo Barcelona, se mantendo na equipe catalã até 2017, quando se mudou para o Paris Saint-Germain, seu clube atual.

Neymar estreou aos 19 anos na edição da Copa América 2011, e até o momento já participou por duas vezes do campeonato sul-americano organizado pela CONMEBOL. O atacante paulista é dotado de grande técnica e habilidade, seus movimentos ágeis geram jogadas perigosas para os adversários e sempre há muita expectativa em relação aos jogos que participa.

O bem sucedido jogador foi medalhista de ouro nos Jogos Olímpicos Rio 2016 com a seleção brasileira sub-23 e também já participou de duas Copas do Mundo. Em 2014, embora o Brasil tenha sido eliminado pela Alemanha por 7-1 nas semifinais, recebeu a Chuteira de Ouro, Bola de Ouro e Prêmio All-Star Team. Na Copa do Mundo de 2018, foi o terceiro maior goleador de sua equipe, que chegou às quartas de final, a qual perdeu por 2 a 1 para a Bélgica.

Recordes de Neymar

  • Maior artilheiro da história da Seleção Olímpica Brasileira
  • Jogador mais jovem a ganhar o prêmio de “Jogador de futebol do ano na América do Sul”
  • Prêmio Globolinha de Ouro de Melhor Gol do Campeonato Brasileiro
  • Gol mais rápido em uma partida dos Jogos Olímpicos
  • Maior número de pontos obtidos no prêmio de jogador de futebol do ano na América do Sul
  • Terceiro jogador com maior número de gols em sua seleção (62) e quinto jogador com maior número de partidas disputadas com a camisa verde-amarela (101)

 

Mais informações sobre a Copa América 2021: