Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa: como ficaram as seleções após as rodadas de outubro

Publicado em Categorias Copa do Mundo 2022 noticias

As Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022, que serão disputadas no Catar, trouxeram um novo panorama nestas três rodadas disputadas em outubro. Não que Brasil e Argentina deixaram de se destacar, pois continuam liderando isoladamente o qualificatório. O que essas Datas Fifas permitiram de novo na disputa foi a configuração das demais vagas para o Mundial.

A mudança mais drástica ocorreu com o Uruguai. Antes terceira colocada, com 15 pontos, a Celeste não suportou os clássicos que teve nesta rodada, incluindo confronto contra os líderes Brasil e Argentina, e somou apenas um dos nove tentos possíveis, em um empate sem gols com a Colômbia, em casa. Nos duelos contra as arquirrivais, por sinal, foi facilmente batida. Com isso, os comandados de Óscar Tabárez, antes lutando pela terceira vaga com o Equador, caíram para a quinta colocação e já não têm tranquilidade nem mesmo para pegar a vaga na disputa da repescagem, já que veem Chile e Bolívia chegando perto.

A Colômbia, de pouco em pouco, vai conseguindo garantir sua posição entre os quatro que garantem vaga direta na Copa do Mundo Catar 2022. Apesar de não terem balançado as redes em nenhum dos três jogos, os cafeteros conseguiram sair ilesos, com três empates sem gols contra três das quatro equipes que antes figuravam na prateleira de cima. Um deles, por sinal, foi contra o Brasil, sendo a primeira seleção a conseguir tirar um ponto dos comandados de Tite. Não à toa, pulou da quinta para a quarta colocação, ficando a um ponto do Equador.

La Tri, por sinal, que iniciou a rodada empatada em pontos com a Colômbia – 13 pra cada – fez o dever de casa ao ganhar com autoridade da Bolívia e conseguiu um ótimo empate fora de casa contra a rival de fronteira, o que a deixou na terceira colocação. O Equador só não sai totalmente feliz desta rodada pois foi derrotado pela lanterna Venezuela, por 2 a 1, fora de casa.

No bloco de baixo, a grande surpresa ficou para a Bolívia, que utilizou do fator altitude para bater o Peru e aplicar uma sonora goleada de 4 a 0 sobre o Paraguai. Antes apenas figurante, a Bolívia já está na sétima colocação, com 12 pontos, embolando a luta por uma disputa na repescagem. Os Guaranis, por sua vez, que estavam próximos dessa quinta vaga, somaram apenas um ponto, num empate sem gols contra a Argentina, em casa, e se complicaram na disputa.

Próxima Data-Fifa

As seleções voltam a campo nos dias 11 e 16 de novembro. Na 13ª rodada do torneio, o grande destaque ficará pelo duelo entre Uruguai e Argentina, que se enfrentarão em solo Charrúa. Na jornada seguinte, o torneio nos reservará um eletrizante Argentina x Brasil, pouco mais de dois meses após o polêmico (e ainda sem solução) confronto entre as seleções em Itaquera.

Mais informações: